Verniz para embalagens

BLOQUEIA VÍRUS

Pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desenvolveram um verniz que promete ajudar a manter embalagens mais seguras contra vírus e bactérias.

A substância foi produzida em parceria com a Anjo Tintas, empresa de Criciúma, e pode ser aplicada também em sacolas de supermercado.

Criado com nanotecnologia, o verniz consegue frear a multiplicação de vírus e bactérias nas superfícies em que é aplicado. O produto foi testado em laboratórios autorizados pela Anvisa.

O teste antiviral não foi feito com o Sars-Cov-2, que causa a Covid-19, por questões de segurança sanitária, mas a substância evitou a proliferação de um vírus da mesma família do novo coronavírus.

A previsão é que o consumidor já possa adquirir produtos que utilizam o verniz em suas embalagens daqui a 40 dias. Para identificá-los, basta procurar o texto que indica a proteção ou o selo Nanoblock.

imagens

PRODUÇÃO DE WEB STORIES

textos

Matheus Honorato

Getty Images

Verônica Raner

INOVAÇÃO E CRIATIVIDADE É NO HYPENESS