Maior temperatura da história

DO ÁRTICO

A ONU certificou que a maior temperatura do Ártico da história foi registrada no ano de 2020.

A Agência Meteorológica da Organização das Nações Unidas (ONU) certificou que a temperatura de 38°C (100,4 graus Fahrenheit) foi a maior da região.

O recorde preocupante foi estabelecido na cidade de Verkhoyansk, no norte da Rússia.

Os valores incomuns foram registrados em uma onda de calor que assolou a região em 2020.

As temperaturas no Ártico chegaram a ficar 18 graus acima dos valores normais para o verão local.

“O novo registro do Ártico compõe uma série de observações relatadas que soam os alarmes sobre as mudanças climáticas”, disse o secretário-geral da OMM, Petteri Taalas.

A temperatura identificada em Verkhoyansk é mais compatível com as áreas ao redor do Mar Mediterrâneo do que no Ártico.

HYPENESS, INOVAÇÃO E CRIATIVIDADE PARA TODOS.

HYPENESS.COM.BR