hitler

gostava de BDSM

A emissora britânica SkyHistory estreou sua série documental ‘Hitler’s Secret Sex Life’, uma obra que procura explorar a vida sexual do cruel ditador nazista Adolf Hitler.

Baseada em relatos de oficiais que viviam próximos ao comandante do regime nazista, a série afirma que Adolf Hitler tinha diversos fetiches e que abusou sexualmente de uma sobrinha por anos.

A série da Sky afirma que o comandante do Holocausto gostava de “golden shower”, ou seja, de tomar urina, assim como práticas de sadomasoquismo, além de ser viciado em pornografia.

A principal história, entretanto, se dá com Geli Raubal. 19 anos mais nova, Geli era sobrinha de Adolf Hitler. Otto Strasser, um político que foi aliado (e depois adversário) de Hitler, manteve contato com a jovem por anos.

Segundo o rival de Hitler, ele abusava sexualmente da jovem e a forçava a praticar o "golden shower" no ditador alemão.

Geli Raubal foi descoberta morta em um apartamento em Munique, em 1921, e o Partido Nazista afirmou que ela “se suicidou”. Entretanto, todos os documentos que circundam as investigações foram destruídos.

“Ele internalizou tudo de que não gostava, como as perdas em sua vida, e projetou sua raiva em todo mundo. É bastante viável que alguém assim tenha essas práticas sexuais”, afirmou historiador e psiquiatra forense Robert Kaplan.

INOVAÇÃO E CRIATIVIDADE É NO HYPENESS