de Espermatozoides

exemplares
milenares

Espermatozoides de cerca de 100 milhões de anos foram encontrados em perfeito estado em Mianmar, na Ásia

Os vestígios arqueológicos estavam protegidos há tanto tempo graças a uma resina de âmbar que os conservou ao longo dos anos

Eles estavam dentro de uma ostracoda, classe de pequenos crustáceos formada por duas conchas

A descoberta foi apresentada ao mundo por um artigo científico publicado na revista “Proceedings of the Royal Society B.”

Cientistas que descobriram o fóssil acreditam que ele seja originário do período Cretáceo

As células reprodutivas da espécie Myanmarcypris hui chamaram atenção pelo tamanho, considerado muito maior do que o de outras espécies

É provável que a ostracoda encontrada, uma fêmea, tenha acasalado logo antes de ficar presa na resina de uma árvore, o que fez o material ficar tão preservado

Para se ter uma ideia do tamanho dos espermatozoides encontrados na ostracoda, eles eram quase cinco vezes maiores que os corpos dos machos da espécie

Segundo a pesquisadora Renate Matzke-Karasz em entrevista à “AFP”, isso seria como uma célula reprodutora de 7,3 metros para um corpo humano de 1,70m

INOVAÇÃO E CRIATIVIDADE É NO HYPENESS

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS!