Cultura como tratamento da

DEPRESSÃO

Na busca por maneiras alternativas de lidar com a depressão, a Dinamarca desenvolveu o programa Kulturvitaminer (ou Vitamina de Cultura, em tradução livre)

A iniciativa tem como objetivo incentivar pacientes, em pequenos grupos, a participar de atividades culturais, com o intuito de evitar drogas e seus efeitos colaterais

Por enquanto, o tratamento já foi implementado em quatro cidades: Aalborg, Silkeborg, Nyborg e Vordingborg

Na cidade de Aalborg, por exemplo, o programa possui um convênio com a orquestra sinfônica local, para que, desta maneira, os pacientes participem de ensaios e concertos

Inclusive, já foi comprovado cientificamente que ouvir música reduz o estresse e a ansiedade, ambos diretamente associados à depressão

Além da atividade musical, também fazem parte do programa: passeios na praia, sessões de leitura e visitas a galerias de arte e museus

Ainda em fase de testes, os participantes são convidados a participar semanalmente de duas ou três excursões culturais durante dez semanas

“Se você está deprimido, a cultura é frequentemente a primeira coisa com a qual você não se incomoda”, diz Mikael Odder Nielsen, líder do programa em Aalborg, ao “Guardian”

“Meu papel é acostumá-los a esse mundo novamente, ou mesmo introduzi-lo pela primeira vez”, completa

INOVAÇÃO E CRIATIVIDADE É NO HYPENESS

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS!

Cinema, Filmes, Teorias