Ciência responde se

SORTE EXISTE

No livro “Luck Factor” (“Fator Sorte”, em tradução livre), o professor de psicologia inglês Richard Wiseman se dedica a responder a pergunta: “sorte existe?”

Richard estudou mais de mil pessoas para desenvolver a pesquisa que deu origem à publicação

Segundo ele, existem indivíduos que atravessam impressionantes sucessões de ocorridos “azarados” durante a vida

Isso, no entanto, não é uma prisão, um destino escrito, mas algo a ser mudado

“O que o trabalho mostra, como um todo, é que as pessoas podem mudar a própria sorte”, escreve o psicólogo

“Sorte não é algo paranormal na natureza, é algo que nós criamos com nossos pensamentos e comportamentos”

Para entender a ciência da sorte, Richard elaborou uma série de experimentos que o levaram a conclusões efetivas a partir do resultado dos participantes

Das mil pessoas que participaram da “Escola da Sorte”, como foi chamado o projeto, 80% afirmaram que a sorte havia crescido ao final da iniciativa

Para melhorar os caminhos da sorte, o livro de Richard sugere que se deve maximizar oportunidades, confiar na intuição, ser otimista e transformar a má sorte em boa sorte

INOVAÇÃO E CRIATIVIDADE É NO HYPENESS

CLIQUE AQUI E LEIA MAIS!