Como a maconha pode ajudar a salvar as abelhas

CANNABIS

No esforço para salvar a população de abelhas, um estudo de 2019 sugere que elas adoram cannabis, o que pode ajudar salvar a espécie

Consideradas os seres vivos mais importantes do planeta, elas foram objeto da pesquisa realizada pela Cornell University, nos Estados Unidos, e publicada na revista “Environmental Entomology”

Segundo o estudo, os pequenos insetos são atraídos pela maconha por causa da quantidade abundante de pólen da planta

Sendo assim, a rápida expansão da produção de cânhamo nos Estados Unidos — e no mundo — pode ter implicações significativas na dinâmica da polinização em todo o agroecossistema

Apesar de a maconha não produzir o néctar doce encontrado em variedades florais que atraem as abelhas, elas possuem uma grande quantidade de pólen

Ainda de acordo com a pesquisa, o cânhamo atrai 17 vezes mais abelhas do que as flores comuns

Os autores explicam que, embora as abelhas sejam atraídas pelo cânhamo, o pólen rico em canabinóides não se infiltra em nossas dietas e nem terá impacto no desenvolvimento do animal

A preocupação com as abelhas já permeia o meio científico há algumas décadas

Devido ao aquecimento global e ao uso excessivo de pesticidas, a diminuição de populações deste inseto têm sido documentada em diversas regiões da Terra

INOVAÇÃO E CRIATIVIDADE É NO HYPENESS